UOL Notícias Notícias
 
29/08/2010 - 20h18

EUA: declaração de rabino sobre palestinos é ofensiva

WASHINGTON, 29 Ago 2010 (AFP) -O departamento americano de Estado condenou neste domingo a "profundamente ofensiva" declaração de um influente rabino israelense, que disse esperar que o líder palestino Mahmud Abbas e seus compatriotas "desapareçam do mundo".

"Lamentamos e condenamos as declarações incendiárias do rabino Ovadia Yossef", disse o porta-voz do departamento de Estado Philip Crowley em um comunicado.

"Estas declarações não são apenas profundamente ofensivas, mas também uma incitação que prejudica a causa da paz".

Líder espiritual do partido Shass, que integra o governo israelense, o rabino Ovadia Yossef desejou na noite de sábado, durante sua pregação semanal em Jerusalém, ver o presidente palestino, Mahmud Abbas, e seu povo nas gemônias (escadas do Capitólio que davam para o Tibre, e pelas quais, na Roma antiga, eram arrastados e atirados ao rio os corpos dos supliciados; ou opróbrio público, no sentido figurado).

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host