UOL Notícias Notícias
 
30/08/2010 - 15h13

Engenheiros começam a perfurar túnel para resgate de mineiros chilenos

Copiapo, Chile, 30 Ago 2010 (AFP) -Engenheiros começaram a perfurar nesta segunda-feira um túnel para resgatar os 33 mineiros chilenos presos, enquanto seus familiares tentavam encorajá-los a enfrentar os meses de operações à frente.

A máquina gigante Strata 950 irá perfurar um túnel de 33 centímetros de diâmetro que posteriormente será ampliado por uma furadeira especial. O processo de perfuração não deve ser concluído antes do Natal.

Alguns dos trabalhadores, confinados em um refúgio sem luz debaixo da terra desde um delizamento ocorrido na mina de San José em 5 de agosto, já estão sofrendo de problemas de pele e exibindo sinais de depressão, informaram fontes oficiais.

Mas sua heróica história de sobrevivência, que veio à tona em 22 de agosto, quando um bilhete escrito em letras vermelhas foi encontrado preso em uma perfuradora, cativou a nação e recebeu fãs no mundo todo.

Os mineiros conseguiram aproveitar em 17 dias suprimentos de emergências que deveriam durar apenas 48 horas, conseguindo cavar um canal para obter suprimento de água.

"O túnel que estamos cavando ao abrigo deverá ter 702 metros de profundidade em linha reta", informou à AFP no sábado o engenheiro encarregado da operação de resgate, Andre Sougarret.

Uma vez que o túnel tiver sido alargado para de 60 a 70 centímetros, será grande o suficiente para levar até o abrigo uma cápsula de resgate que irá permitir que os mineiros sejam içados um por vez.

Durante o processo de alargar o túnel, os mineiros terão de trabalhar em turnos para retirar rochas e escombros que constantemente caem do alto. Eles também esperam que a perfuração não cause outro colapso.

O ministro da Mineração chileno, Laurence Golborne, negou as informações de que outros planos estariam sendo considerados para permitir o resgate dos homens em um ou dois meses.

"Nós verificamos 10 opções diferentes", disse Golborne à Radio Cooperativa.

"Até agora não há alternativa que permitiria a retirada (dos mineiros) em 30 dias."

Ele disse que os engenheiros estavam abrindo um terceiro túnel de acesso de 30,5 centímetros para que objetos maiores sejam enviados para o abrigo.

Em ligações limitadas a um minuto por mineiro, mulheres, mães e pais conversaram no domingo pela primeira vez com os trabalhadores, depois de eles terem completado 24 dias debaixo da terra.

"Ouvir a voz dele foi um bálsamo para meu coração", disse Jessica Chille, depois de conversar com seu marido, Dario Segovia.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host