UOL Notícias Notícias
 
30/08/2010 - 07h32

França: governo apoia acordo para aliviar acusações contra Chirac

PARIS, 30 Ago 2010 (AFP) -O governo francês apoiou nesta segunda-feira um polêmico projeto de acordo contra a prefeitura de Paris e o ex-presidente Jacques Chirac (1995-2007), que aliviaria significativamente sua situação judicial.

Chirac, de 77 anos, será julgado ainda em 2010 ou no começo de 2011 por "malversação de fundos" e "abuso de confiança", em um caso de supostos empregos fantasmas quando era prefeito de Paris.

Na época, antes de sua chegada à presidência, Chirac teria favorecido a criação de "21 cargos de confiança" remunerados entre outubro de 1992 e maio de 1995, segundo a acusação.

Um recente acordo de princípios entre a prefeitura de Paris, ocupada atualmente pelo socialista Bertrand Delanoe, e Chirac, prevê que o município seja ressarcido em 2,2 milhões de euros, dos quais 1,65 milhões serão pagos pela UMP (partido atualmente no poder, ao qual pertencia Chirac) e 550.000 pelo próprio ex-presidente.

O acordo foi claramente apoiado nesta segunda-feira pelo atual primeiro-ministro francês, François Fillon, e pelo chefe do UMP, Xavier Bertrand.

A ideia é que a cidade de Paris renuncie a constituir-se como parte civil no processo, e não que as acusações judiciais contra Chirac sejam retiradas.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host