Economia dos EUA criou 292.000 empregos em dezembro

Washington, 8 Jan 2016 (AFP) - A criação de empregos nos Estados Unidos foi vigorosa em dezembro, superando amplamente as expectativas dos analistas, enquanto a taxa desemprego se manteve estável em seu nível mais baixo em sete anos, segundo dados do Departamento do Trabalho divulgados nesta sexta-feira.

A economia americana criou 292.000 empregos no último mês de 2015, enquanto os analistas previam 200.000 novas vagas.

Apesar da sólida criação de empregos, a taxa de desemprego se manteve inalterada em 5% (7,9 milhões de desempregados) pelo terceiro mês consecutivo por causa das pessoas que buscam trabalho pela primeira vez, um fato positivo no mercado de trabalho.

O Departamento de Trabalho afirmou que aproximadamente 466.000 pessoas entraram no mercado de trabalho, o mais alto nível em 21 meses. A taxa de atividade, que engloba os que trabalham e os que buscam emprego ativamente melhorou 62,6%, contra 62,5% no mês anterior.

O dinamismo do mercado de trabalho americano refletiu também na revisão dos números dos meses anteriores (+50.000), agora com 307.000 novos trabalhadores em outubro e 252.000 em novembro. Em todo o ano de 2015, a primeira economia do mundo criou uma média mensal de 221.000 empregos, em relação a 260.000 em 2014.

Em dezembro, os maiores aumentos foram registrados nos serviços a empresas (73.000 novos empregos), a construção, impulsionada por boas condições climáticas (45.000), os serviços de saúde (39.000) e os cafés e restaurantes (37.000).

Os setores de cinema e música também criou 15.000 novos postos de trabalho no último mês do ano, depois de ter estado no vermelho no mês anterior.

O setor industrial criou apenas 8.000 postos, o que representa um pequeno aumento em relação a novembro (2.000).

O setor de mineração, afetado pela queda dos preços do petróleo, se manteve em baixa, com uma redução de 8.000 postos em dezembro.

Durante 2015, as indústrias extrativas perderam 129.000 empregos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos