Paquistão: 15 mortos em explosão diante de centro de vacinação

Quetta, Paquistão, 13 Jan 2016 (AFP) - Uma explosão diante de um centro de vacinação contra a poliomielite na cidade de Quetta, sudoeste do Paquistão, deixou 15 mortos nesta quarta-feira, incluindo vários policiais.

Os agentes de segurança acompanhavam os trabalhadores do setor de saúde no terceiro dia da campanha de vacinação contra a pólio na província de Baluchistão, que tem Quetta como capital.

"Há 15 mortos, 12 policiais, um paramilitar e dois civis", disse à AFP uma fonte da polícia local, que também citou 10 pessoas feridas, nove agentes e um civil.

Um médico do hospital Sandeman de Quetta confirmou o balanço de vítimas fatais.

"Vivemos em uma zona de guerra e não posso dizer nada sobre a natureza da explosão", afirmou o ministro do Interior do Baluchistão, Sarfaraz Bugti, que anunciou uma investigação.

Paquistão e Afeganistão são os únicos países onde a poliomielite continua sendo endêmica. As tentativas de erradicar a doença são afetadas por ataques contra as equipes de vacinação, que provocaram quase 80 mortes desde dezembro de 2012.

Os criminosos alegam que a campanha de vacinação contra a pólio seria uma fachada de uma conspiração que pretende esterilizar os muçulmanos.

Em 2014, o número de casos de poliomielite no Paquistão chegou a 306, um recorde em 14 anos.

str-ga-st/fp

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos