Estudo brasileiro confirma que zika vírus pode ser transmitido ao bebê pela placenta

Brasília, 20 Jan 2016 (AFP) - Cientistas brasileiros confirmaram nesta quarta-feira que o zika vírus pode ser transmitido de mãe para filho através da placenta, em meio a um surto de microcefalia associado a este vírus, que mantém as autoridades sanitárias em alerta.

Pesquisadores da Fiocruz e da Universidade Católica do Paraná analisaram as células da placenta de uma mulher que havia apresentado sintomas do vírus e sofreu um aborto no primeiro trimestre de gestação.

As análises detectaram pela primeira vez "a infecção de células da placenta pelo zika vírus e a transmissão pela placenta", informou a virologista e pesquisadora Claudia dos Santos.

"Embora não possamos relacionar estas descobertas aos casos de microcefalia e outras alterações congênitas, este resultado confirma a transmissão intrauterina do zika vírus" e pode ajudar no desenvolvimento de estratégias para bloquear o processo de infecção e/ou transmissão, acrescentou.

O Brasil atualizou hoje os dados sobre a microcefalia: existem quase 3.900 casos suspeitos, e o estado de Pernambuco, onde foi detectado o surto, no fim do ano passado, permanece à frente das estatísticas, com 1.306 casos suspeitos.

"Aparentemente, começamos a ver uma redução da curva de incidência na região Nordeste", destacou o diretor do Departamento de Vigilância de Doenças Transmissíveis do Ministério da Saúde, Claudio Maierovitch.

Questionado sobre os possíveis riscos de que o zika vírus se propague com maior intensidade durante o Carnaval, Maierovitch disse que há muita especulação.

"A grande circulação de pessoas pelo país não deve ter um impacto muito importante, porque o vírus já está circulando", disse. "É importante insistir em medidas de proteção", como o uso de repelentes e roupas que evitem o contato com o mosquito.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos