Termina campanha em Portugal; conservador Rebelo de Sousa é favorito

Lisboa, 23 Jan 2016 (AFP) - A campanha para a eleição presidencial terminou nesta noite de sexta-feira, em Portugal, e todas as pesquisas apontam o ex-presidente do Partido Social-Democrata português (PSD, de centro-direita) Marcelo Rebelo de Sousa como ganhador sem segundo turno.

"Eleja a experiência e a capacidade de unir, de criar consenso", lançou Rebelo de Sousa na noite de sexta, dirigindo-se aos eleitores indecisos em um comício em Braga, no norte de Portugal.

Na pequena cidade vizinha de Celorico de Basto, o candidato conservador encerrou uma campanha "independente" de seu campo político.

Marcelo Rebelo de Sousa, de 67 anos, professor de Direito conhecido como comentarista estrela da televisão nos últimos 15 anos, teria entre 51,8% e 55% dos votos, de acordo com pesquisas de opinião divulgadas entre quinta e sexta-feiras.

Seu principal oponente é o independente Antonio Sampaio da Novoa, com entre 17% e 22% das intenções de voto, seguido da ex-ministra socialista Maria de Belém Roseira, de 8% a 13%.

ode/jmr./tt

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos