PUBLICIDADE
Topo

Neve bloqueia 86.000 pessoas em ilha da Coreia do Sul

Boeing 737 da companhia aérea Jeju fica parado no aeroporto da ilha  - Yonhap/AFP
Boeing 737 da companhia aérea Jeju fica parado no aeroporto da ilha Imagem: Yonhap/AFP

Em Seul

25/01/2016 06h07

Quase 86.000 pessoas estavam bloqueadas nesta segunda-feira (25) na ilha turística sul-coreana de Jeju, com o aeroporto da localidade fechado em consequência da nevasca mais intensa na região em três décadas.

Conhecida como "Havaí coreana" por suas praias e seu clima em geral suave, a ilha se viu particularmente afetada no fim de semana pela onda de frio que atingiu a Coreia do Sul. Em Jeju, o termômetro chegou a 6,1 graus negativos.

O ministério dos Transportes anunciou que o aeroporto internacional da ilha deve permanecer fechado até 20H00 locais.

Quase 1.100 voos foram cancelados nos últimos três dias, o que impediu que 86.000 pessoas deixassem a ilha.

Milhares de pessoas foram obrigadas a passar a noite no aeroporto.

Mesmo sem neve, a capital Seul registrou no domingo o dia mais frio em 15 anos, com a temperatura de -18ºC.

A agência meteorológica sul-coreana emitiu no sábado, pela primeira vez em cinco anos, um boletim de alerta de grande frio na capital.