Obama cria unidade de luta contra o câncer, liderada por Biden

Washington, 28 Jan 2016 (AFP) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou nesta quinta-feira que estabelecerá um grupo de trabalho liderado pelo vice-presidente, Joe Biden, para impulsionar uma luta mais eficaz contra o câncer.

O objetivo é coordenar melhor os esforços de diferentes agências federais, evitar obstáculos burocráticos e apoiar os avanços científicos frente a uma doença que causa a morte de mais de 8 milhões de pessoas em todo o mundo apesar dos progressos alcançados.

"Não tenho a pretensão de ser um especialista em câncer, mas posso desempenhar um papel de catalisador de esforços no sentido de trabalharmos juntos", disse Biden no texto de apresentação da missão, comparada a uma "nova conquista da Lua".

"Eu não sou ingênuo sobre a extensão dos desafios", disse. "Mas eu nunca estive tão otimista sobre o fato de que podemos fazer grandes coisas".

Beau Biden, filho do vice-presidente, morreu de câncer no cérebro em maio passado, aos 46 anos.

Obama antecipou esta iniciativa em meados de janeiro, durante seu último discurso sobre o Estado da União no Congresso, considerando que é indispensável decisões rápidas "para aqueles que nos são caros e perdemos e para as famílias que ainda podemos salvar".

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), são detectados todos os anos 14 milhões de novos casos de câncer. E estima-se que um terço é devido a fatores como o tabagismo, álcool, obesidade, sedentarismo ou dieta.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos