Homem preso na Disney de Paris com duas armas deverá usar tornozeleira eletrônica

Meaux, França, 2 Fev 2016 (AFP) - O homem de 28 anos preso na semana passada na Disneylândia de Paris na posse de duas armas carregadas e munição foi condenado nesta terça-feira por um tribunal francês a usar uma tornozeleira eletrônica por seis meses.

O Ministério Público havia solicitado quinze meses de prisão domiciliar.

Ele foi preso em 28 de janeiro no Hotel New York, perto do parque de diversões, o primeiro local turístico privado da Europa, com 14,8 milhões de visitantes em 2015.

A presença, ao lado das armas e munições, de um exemplar do Corão e sua conversão ao Islã há 10 anos agitou os ânimos, enquanto a França vive sob a ameaça jihadista desde os atentados de 2015. Mas os investigadores rapidamente descartaram a pista terrorista.

O acusado disse ao juiz ter comprado uma primeira arma para "defender-se" depois de uma agressão. Ele acrescentou que procurou uma segunda, após os ataques em Paris, "para poder agir em caso de eventos como os de 13 de novembro" na varanda do seu estabelecimento.

O acusado deve cumprir a pena na casa de sua mãe.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos