Deputados franceses aprovam primeira etapa da reforma constitucional

Paris, 10 Fev 2016 (AFP) - Os deputados franceses aprovaram nesta quarta-feira em primeira leitura o projeto de reforma constitucional impulsionado pelo presidente François Hollande, que prevê incluir na Carta Magna o estado de emergência e a perda de nacionalidade para autores de crimes e delitos terroristas.

O texto, que foi adotado pela Assembleia Nacional (Câmara Baixa) por 317 votos a favor, 199 contra e 51 abstenções, deverá ser aprovado agora pelo Senado e depois pelas duas Câmaras reunidas em Congresso. A reforma constitucional foi proposta por Hollande depois dos atentados de 13 de novembro em Paris.

ic-reb-mc/jz/mr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos