EUA apreenderam 2.100 armas carregadas com viajantes em aeroportos em 2015

Em Washington

  • Divulgação/TSA

Agentes de segurança aeroportuária dos Estados Unidos apreenderam 2.100 armas de fogo carregadas em 2015 na bagagem de mão dos passageiros, disse nesta quinta-feira (11) o secretário de Segurança Nacional, Jeh Johnson.

Os funcionários da TSA (Administração de Segurança no Transporte), que controlaram 695 milhões de passageiros, "apreenderam uma quantidade recorde de 2.500 armas de fogo nas bagagens de mão, dos quais 84% estavam carregadas", disse Johnson, que apresentou seu relatório anual sobre o "Estado da Segurança Interior".

Em 2014, o número de armas apreendidas, carregadas ou não, foi de 2.200, de acordo com cifras da TSA.

A TSA foi abalada no ano passado por um informe da inspeção geral dos Estados Unidos, destacando falhas em seus controles.

Segundo o informe, em 99% dos casos, os agentes encarregados da revista dos passageiros foram incapazes de detectar explosivos e, no geral, a taxa de falhas nos controles foi de 96%.

Um novo diretor, Peter Neffenger, foi nomeado para a TSA depois disto e implantou uma série de medidas para remediar a situação.

Johnson destacou em particular a dificuldade da luta contra o terrorismo "de inspiração", praticado pelo grupo Estado Islâmico, consistente em, através da internet, convencer as pessoas para se engajar em atividades violentas, mas sem ter uma relação direta com eles.

"Por natureza, estes ataques terroristas inspirados são mais difíceis de detectar (...), podem ocorrer com pouco ou nenhum aviso prévio", disse.

A TSA e o FBI reforçaram seus laços com as polícias locais para enfrentar esta ameaça.

Os Estados Unidos também buscam filtrar melhor o acesso ao seu território. O endurecimento das condições para a entrada sem visto em 2014 (reservado a 38 países, principalmente europeus) levou a rejeitar 3.000 pessoas adicionais em 2015, disse Johnson.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos