Parlamento venezuelano aprova lei de anistia para opositores presos

Em Caracas

Controlado pela oposição, o Parlamento da Venezuela aprovou em primeiro debate, nesta terça-feira (16), uma lei de anistia para opositores presos.

O governo promete bloquear sua execução.

"Aprovado" --anunciou, entre aplausos e gritos de "liberdade", o presidente do Legislativo, o ferrenho antichavista Henry Ramos Allup, após um caloroso discurso, no qual advertiu os chavistas de que seu governo "está em agonia" e que "vão sair do poder democraticamente".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos