Novo crime de honra no Paquistão após Oscar sobre a questão

Lahore, Paquistão, 1 Mar 2016 (AFP) - Um pai matou nesta segunda-feira a filha na cidade paquistanesa de Lahore para defender a "honra" da família - um dia após um documentário sobre a questão levar o Oscar, informou a polícia nesta terça-feira.

Segundo as autoridades, Mohamad Rehmat, que fugiu logo depois do crime, teria matado a filha, Komal Bibi, de 18 anos, por ter se negado a dizer ao pai onde havia passado as últimas cinco horas.

"O pai fugiu após ter matado a filha e nossa equipe está fazendo as buscas", disse à AFP Mohamad Yaqoob, responsável da polícia local. "Parece que se trata de um crime de honra", afirmou.

No domingo "A Girl in the River: The Price of Forgiveness" ("Uma jovem no rio: o preço do perdão", na tradução livre), a história de uma garota que sobreviveu a um crime deste tipo, levou o Oscar de melhor documentário na categoria curta-metragem.

A diretora do filme, Sharmeen Obaid-Chinoy, reuniu-se com o primeiro-ministro paquistanês, Nawaz Sharif, que se comprometeu a acabar com estes crimes "degradantes" e "lamentáveis".

wh-mmg/st/cnp/gl/pc/mb/mm

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos