Vínculo demonstrado entre zika e danos cerebrais no feto

Paris, 4 Mar 2016 (AFP) - O vírus da zika presente na América Latina ataca e destrói as células cerebrais humanas em desenvolvimento no feto, revela um estudo publicado nesta sexta-feira com base a observações em laboratório.

O estudo do Instituto de Engenharia Celular da Universidade Johns Hopkins é o primeiro teste experimental de um vínculo biológico entre o vírus transmitido por um mosquito e o drástico incremento de casos de microcefalia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos