Níger: oposição abandona segundo turno de eleição presidencial

Niamei, 8 Mar 2016 (AFP) - A coalizão de oposição nigeriana (COPA 2016), liderada por Hama Amadou, anunciou nesta terça-feira que abandona o segundo turno das eleições presidenciais, previsto para 20 de março, no qual enfrentaria o atual presidente, Mahamadou Issoufou.

"A oposição política, reunida na COPA 2016, decidiu se retirar do processo eleitoral e pede a seus representantes que se retirem da CENI (Comissão Eleitoral Nacional Independente)", disse o opositor Seïni Oumarou, terceiro colocado no primeiro turno.

A decisão se justifica principalmente pela ausência da "proclamação oficial" dos resultados do primeiro turno, realizado no dia 21 de fevereiro, e a "iniquidade de tratamento entre os dois candidatos" no segundo turno, já que Amadou está preso sob a acusação de tráfico de crianças.

Issoufou obteve 48,43% dos votos no primeiro turno, contra 17,73% para Amadou, em uma eleição criticada pela oposição pela falta de transparência.

bh-pgf/lr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos