Trump suspende comício em Chicago por questões de 'segurança'

Washington, 12 Mar 2016 (AFP) - O pré-candidato republicano na corrida pela Casa Branca Donald Trump suspendeu um comício programado para esta sexta-feira à noite, em Chicago, por razões de "segurança" - informou sua equipe de campanha.

Depois de se reunir com a polícia, Trump decidiu que, "pela segurança de dezenas de milhares de pessoas reunidas dentro e ao redor dessa arena, o comício desta noite será adiado para outra data", explicou sua equipe em um comunicado.

O clima era tenso em torno da Universidade de Illinois, onde o magnata discursaria, devido à presença de muitos ativistas opostos ao polêmico pré-candidato republicano.

Integrantes do movimento "As Vidas dos Negros Importam" denunciavam o racismo de Trump.

O canal CNN estimou que entre 8.500 e 10.000 pessoas se concentraram no local, e imagens das TVs americanas mostraram a polícia escoltando grupos de pessoas para fora do prédio da universidade, em meio a confrontos entre os manifestantes.

As autoridades não informaram feridos ou detidos nos incidentes.

Horas antes, Trump havia sido interrompido várias vezes por manifestantes em um comício em Saint Louis, Missouri.

Estes novos incidentes ocorrem a poucos dias da segunda "Super Terça" das primárias, em cinco grandes estados, a qual Trump chega como favorito, apesar da oposição dentro de seu próprio partido.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos