Austrália vai examinar possível fragmento de avião malaio desaparecido

Sydney, 12 Mar 2016 (AFP) - A Austrália vai examinar um novo fragmento que pode ser do avião da Malaysia Airlines desaparecido há dois anos, indicaram neste sábado autoridades australianas de aviação.

Um adolescente sul-africano declarou à imprensa de seu país ter encontrado a peça de metal, de um metro de comprimento, na praia, quando passava férias em Moçambique, em dezembro, e que a levou para casa.

O fragmento será enviado à Austrália, onde investigadores do país e da Malásia irão examiná-lo, informou hoje a Direção Australiana de Segurança dos Transportes.

O desaparecimento do avião, que fazia o voo MH370 da Malaysia Airlines, ocorrida logo após a decolagem do aeroporto de Kuala Lumpur con 239 pessoas a bordo, permanece um mistério, segundo um relatório divulgado no aniversário de dois anos do drama.

A Austrália dirige as investigações no sul do Oceano Índico, em uma área de 120 mil km², equivalente à superfície da Nicarágua. Trata-se da maior e mais cara busca deste tipo em toda a História.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos