Dois militares são esfaqueados no Canadá; suspeito é detido

Montreal, 15 Mar 2016 (AFP) - Um homem feriu com uma faca dois militares na segunda-feira em um centro de recrutamento do Exército canadense em Toronto, antes de ser controlado e detido, informou a polícia.

O suspeito de 27 anos entrou durante a tarde em um edifício administrativo federal e se dirigiu à recepção de um centro de recrutamento das forças armadas canadenses, explicou o chefe da polícia de Toronto, Mark Saunders.

Ali pegou uma faca, com a qual feriu um soldado que estava no balcão da recepção, antes de atacar outros membros da equipe, que conseguiram controlar o suspeito, que também feriu outro militar.

"Graças ao seu treinamento, os membros das forças armadas puderam controlar o indivíduo", explicou Saunders em uma coletiva de imprensa na noite de segunda-feira.

"Posso garantir que, se eles não tivessem reagido rápido, as consequências teriam sido mais sérias", acrescentou.

Sem revelar as motivações do agressor, o chefe da polícia de Toronto indicou que "algumas de suas palavras (...) antes da chegada da polícia podem levantar algumas inquietações".

Sem fazer referências diretas a um ato de caráter jihadista, Saunders explicou que um vínculo eventual será "analisado seriamente".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos