Obama condena os atentados em Bruxelas

Havana, 22 Mar 2016 (AFP) - O presidente Barack Obama condenou nesta terça-feira os atentados que deixaram mais de 30 mortos em Bruxelas e afirmou que os Estados Unidos farão tudo o que for possível para perseguir os autores.

"Devemos estar juntos, independente da nacionalidade, da raça ou da fé na luta contra o flagelo do terrorismo", afirmou o presidente americano durante sua visita a Cuba.

"Podemos e vamos derrotar quem ameaça a proteção e a segurança das pessoas do mundo todo", acrescentou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos