Papa condena a violência cega dos atentados de Bruxelas

Cidade do Vaticano, 22 Mar 2016 (AFP) - O papa Francisco condenou a violência cega dos atentados desta terça-feira em Bruxelas e afirmou estar orando pelas vítimas.

"O Santo Padre condena de novo a violência cega que engendra tantos sofrimentos e implora a Deus pelo dom da paz", afirma uma mensagem.

No texto, o Papa também "confia à misericórdia de Deus as pessoas que perderam sua vida e se une em oração à dor dos familiares".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos