Morre ex-ministro das Relações Exteriores alemão Hans-Dietrich Genscher

Berlim, 1 Abr 2016 (AFP) - O ex-ministro alemão das Relações Exteriores Hans-Dietrich Genscher, que desempenhou um papel-chave na reunificação de seu país em 1990, faleceu na noite de quinta-feira aos 89 anos, anunciou nesta sexta-feira seu gabinete.

Este ex-dirigente do partido liberal e chefe da diplomacia alemã por cerca de 20 anos morreu devido a uma parada cardíaca, "cercado de sua família" em sua casa de Wachtberg-Pech (oeste), indicou seu gabinete em um comunicado.

O porta-voz da chanceler Angela Merkel saudou um "grande europeu e um grande alemão" que "influenciou como poucos na história da Alemanha".

Ao longo de 18 anos (1974-1992) como ministro das Relações Exteriores, Hans-Dietrich Genscher aplicou a chamada "Ostpolitik", a política de aproximação com a Europa do leste comunista, recusando-se a diabolizar o inimigo soviético, e negociando quando era possível para desativar a Guerra Fria e a corrida armamentística, que as duas Alemanhas tinham na linha de frente.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos