França e Espanha iniciam investigação das revelações dos 'Panama Papers'

Madri, 4 Abr 2016 (AFP) - A justiça francesa abriu nesta segunda-feira uma investigação preliminar por lavagem e fraude fiscal avançada depois das revelações à imprensa dos chamados "Panama Papers", anunciou a promotoria de delitos financeiros em um comunicado.

Os sistemas de evasão fiscal revelados pelo vazamento jornalístico "podem envolver pessoas que residem fiscalmente na França", afirma o comunicado.

A promotoria da Audiência Nacional espanhola também abriu nesta segunda-feira uma investigação no mesmo sentido.

A investigação ficará centrada nas atividades de lavagem de dinheiro de possíveis clientes da Mossack Fonseca residentes na Espanha.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos