Francisco pede à Igreja que valorize "uniões de fato" em exortação sobre a família

Cidade do Vaticano, 8 Abr 2016 (AFP) - O papa Francisco pediu à Igreja que "valorize" as "uniões de fato" na exortação sobre a família divulgada nesta sexta-feira, na qual também pede o reconhecimento dos "sinais de amor" entre estes casais e que sejam "acolhidos e acompanhados com paciência e delicadeza".

O documento, de 260 páginas, um dos mais importantes de seu pontificado, aceita as uniões pré-matrimoniais como um passo adiante "para o caminho da plenitude do matrimônio e da família" e reconhece as numerosas razões pelas quais os casais, segundo o contexto social e cultural, decidem conviver.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos