Hillary e Trump vencem primárias em Nova York

Nova York, Estados Unidos, 20 Abr 2016 (AFP) - A ex-secretária de Estado Hillary Clinton e o magnata Donald Trump ganharam nesta terça-feira as primárias presidenciais do estado de Nova York, segundo projeções das redes de televisão dos EUA.

A democrata Hillary Clinton obtinha 58,4% dos votos, contra 41,6% para o senador Bernie Sanders, após a apuração de 72% das urnas, segundo CNN, Fox News e NBC.

Trump recebia 60% dos votos, contra 25,1% para o governador de Ohio, John Kasich, e 14,9% para o senador do Texas Ted Cruz, também de acordo com CNN, Fox News e MSNBC.

Hillary disse que sua vitória foi algo "pessoal". "Os nova-iorquinos sempre tiveram meu apoio e sempre tratei de obter o apoio deles".

Em discurso na sede de sua campanha no Brooklyn, a ex-primeira-dama afirmou que "a vitória está à vista", em referência à indicação democrata à Casa Branca.

Oriundo do Brooklyn, Bernie Sanders precisava de um bom resultado em Nova York para se manter vivo na disputa.

Trump comemorou a vitória afirmando que "não falta muita coisa baseado no que estou vendo na televisão". "O senador Cruz está matematicamente eliminado".

Antes das primárias de Nova York, Trump contava com algo menos de 750 delegados, cerca de 200 a mais que Cruz.

Nova York é o estado que mais delegados concede após a Califórnia, que terá primárias em junho. Estavam em jogo nesta terça-feira 291 delegados democratas e 95 republicanos.

No total, 5,8 milhões de democratas e 2,7 milhões de republicanos estavam inscritos para votar nestas primárias "fechadas" para os independentes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos