Palestinos apoiam iniciativa francesa de conferência internacional (Al Malki)

Nações Unidas, Estados Unidos, 21 Abr 2016 (AFP) - O ministro palestino das Relações Exteriores, Riyad al Malki, expressou nesta quinta-feira que os palestinos darão um tempo à França para fazer avançar sua iniciativa para uma conferência internacional, adiando a apresentação na ONU de seu projeto de resolução sobre os assentamentos israelenses nos territórios ocupados.

Al Malki, que acompanha o presidente palestino, Mahmud Abbas, em Nova York, "saudou" o anúncio de Paris sobre uma reunião ministerial a ser realizado em 30 de maio, preparatória para a conferência.

O ministro das Relações Exteriores francês, Jean-Marc Ayrault, anunciou nesta quinta-feira que a França organizará uma reunião, em Paris, com o objetivo de relançar o processo de paz israelense-palestino, previa uma eventual cúpula internacional, a ser celebrada no segundo semestre de 2016.

"Desde o começo, consideramos positiva a iniciativa francesa", disse Al Malki aos jornalistas depois de uma reunião entre Abbas e o presidente do Conselho de Segurança da ONU, o embaixador chinês Liu Jieyi.

Depois da visita recente a Paris de Mahmud Abbas, decidiu-se que "nossa ação no Conselho de Segurança não devia comprometer de forma alguma a iniciativa francesa", acrescentou.

Em relação ao projeto de resolução, que busca por um fim aos assentamentos israelenses na Cisjordânia, que os palestinos planejam submeter ao Conselho, são necessárias "discussões adicionais com os países árabes (...) antes de encontrar o momento oportuno para avançar nesta direção", explicou o ministro.

Iniciativas anteriores palestinas para votar projetos similares enfrentaram o veto dos Estados Unidos, atualmente em plena campanha presidencial.

Washington recusou-se a fixar uma posição ante a nova iniciativa palestina, embora não tenham excluído nada a priori.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos