Termina votação em eleições da Guiné Equatorial com provável vitória de Obiang

Malabo, Guiné Equatorial, 24 Abr 2016 (AFP) - As eleições presidenciais na Guiné, onde Teodoro Obiang Nguema será provavelmente reeleito sem surpresas, ocorreram sem incidentes neste domingo e seus resultados serão conhecidos na quinta-feira.

As urnas fecharam às 18H00 locais (14H00 Brasília) e as votações foram acompanhadas de perto pelas forças de segurança, constatou um jornalista da AFP.

O presidente, que tem quase 37 anos no poder, assegurou que obterá uma vitória.

"Não posso dar a porcentagem, mas vamos ganhar", disse aos jornalistas.

Em 2009 foi reeleito com 95,37% dos votos.

Obiang chegou ao poder em 1979 através de um golpe de Estado, pelo qual derrubou seu tio Francisco Macias Nguema, que havia semeado o terror no país.

O regime atual é alvo de múltiplas denúncias das organizações de defesa dos direitos humanos, que o acusam de reprimir os opositores, as organizações independentes da sociedade civil e os meios de comunicação.

Nestas eleições, Obiang lidera uma coalizão de dez partidos, entre elas o Partido Democrático da Guiné Equatorial (PDGE), no poder.

A Frente de Oposição Democrática (FOD), que reúne os principais partidos opositores, convocou em 23 de março um boicote a estas eleições presidenciais por considerar que reúnem todas as condições para haver "fraudes".

bur-mc/dom/an/mb/pr/cc

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos