Atentado em Bagdá deixa 14 mortos

Bagdá, 2 Mai 2016 (AFP) - Um atentado com carro-bomba contra um grupo de xiitas em Bagdá nesta segunda-feira deixou ao menos 14 mortos e 41 feridos, incluindo mulheres e crianças, informaram fontes do governo iraquiano.

Uma fonte das forças de segurança afirmou que um terrorista ativou a carga explosiva de seu carro em meio a uma procissão de fiéis no sul de Bagdá. Outras fontes, no entanto, citaram apenas explosão de um carro-bomba.

Ao menos 14 pessoas morreram e 41 ficaram feridas, segundo o balanço mais recente divulgado por fontes médicas. Entre as vítimas estão várias mulheres e crianças.

O atentado ainda não foi reivindicado, mas este tipo de ataque é executado com frequência pelo grupo extremista sunita Estado Islâmico (EI), que considera os muçulmanos xiitas como hereges.

No sábado, o EI executou um ataque parecido contra peregrinos xiitas na periferia de Bagdá e matou 23 pessoas.

Muitas avenidas da capital iraquiana estão fechadas para as cerimônias que recordam o aniversário da morte do imã Musa al-Kazim, uma data importante no calendário xiita.

Sétimo dos 12 imãs do xiismo, o imã Musa morreu envenenado na prisão no ano 799 por ordem do califa abássida Harun al-Rashid. A peregrinação paralisa a cidade durante vários dias.

A principal cerimônia acontecerá na terça-feira no mausoléu do imã Kazim, no bairro de Kazimiyah, zona norte de Bagdá.

sf-jmm/fp

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos