Ban Ki-moon pede restabelecimento da trégua na Síria

Nações Unidas, Estados Unidos, 2 Mai 2016 (AFP) - O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, expressou nesta segunda-feira seu desejo de que o cessar-fogo na Síria, pactuado no entorno de Latakia (noroeste) seja estendido em caráter de urgência à cidade de Aleppo (norte).

Em um comunicado, o dirigente exortou os Estados Unidos e a Rússia a "dobrar esforços para voltar ao cessar das hostilidades", que entrou em vigor em 27 de fevereiro, mas que se encontra em risco nos últimos dias.

Ban se declarou "profundamente preocupado pela perigosa escalada de combates em Aleppo e seus arredores, e pelo sofrimento intolerável" que provoca entre a população.

O chefe da diplomacia internacional fez alusão ao relançamento do cessar das hostilidades em Damasco e Latakia, e pediu para estendê-lo à cidade de Aleppo em caráter de urgência.

"O fracasso do cessar das hostilidades só trará mais violência, morte e destruição, além de distanciar a busca de uma solução negociada para esta guerra brutal", indicou.

O secretário de Estado americano, John Kerry, fez uma visita relâmpago a Genebra nesta segunda-feira para tentar salvar a trégua na Síria, enquanto o enviado especial da ONU para este país, Staffan de Mistura, se reunirá com o mesmo objetivo nesta terça-feira, em Moscou, com o chefe da diplomacia russa, Serguei Lavrov.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos