Inteligência russa desbaratou planos de atentados terroristas

Moscou, 4 Mai 2016 (AFP) - Uma série de atentados na região de Moscou planejados por "terroristas" da Turquia e Síria foram desbaratados pelos serviços policiais, que detiveram um grupo de cidadãos de um país da Ásia Central, anunciou o Serviço Federal de Segurança (FSB) russo.

"Um grupo de cidadãos de um país da Ásia Central que ia realizar uma série de atentados na região de Moscou" no começo de maio sob ordens de "chefes de organizações terroristas internacionais ativas na Síria e Turquia foram detidos", informou o FSB citado pela agência Ria-Novosti.

Maio é um mês de feriados importantes na Rússia, especialmente pelo 1º de maio (Dia do Trabalho) e 9 de maio, quando Moscou celebra sua vitória sobre a Alemanha nazista em cerimônias que reúnem dezenas de milhares de pessoas.

Durante as detenções realizadas em Moscou, em data não especificada, foi apreendido "grandes quantidades de armas e explosivos", informa o comunicado do FSB citado pela agência de notícias Ria-Novosti.

Este anúncio ocorre em meios ao aumento dos confrontos entre as tropas do regime sírio - apoiado por Moscou - e os rebeldes na região de Aleppo (norte da Síria), perto da fronteira com a Turquia.

As tropas russas têm ajudado as forças do governo sírio em sua luta contra os rebeldes e contra os jihadistas do Estado Islâmico (EI).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos