Novo chefe da Otan promete pulso firme em relação à Rússia

Mons, Belgium, 4 Mai 2016 (AFP) - O novo comandante-em-chefe da Otan, o general Curtis Scaparrotti, assegurou nesta quarta-feira que vai endurecer a postura da Aliança em relação à Rússia na Europa do Leste, principalmente na Ucrânia.

Na cerimônia de substituição de seu predecesor, Philip Breedlove Scaparrotti, ex-comandante-em-chefe das forças americanas na Coreia, acrescentou que a Otan deve reconsiderar a entrega de armamento a Kiev em sua batalha contra os rebeldes pró-russos.

Para Scaparrotti, o maior desafio atual da Otan é "uma Rússia que ressurge e luta para se apresentar como potência mundial".

Suas declarações são feitas pouco depois que o ministro da Defesa russo anunciou que a Rússia mobilizará três novas divisões no oeste e no sul de seu território para final deste ano, com o objetivo de fazer frente às forças da Otan posicionadas perto de sua fronteira.

axr-dk/aoc/age/cn

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos