Coreia do Norte só usará armas nucleares em caso de agressçao, diz Kim Jong-un

Seul, 7 Mai 2016 (AFP) - O presidente norte-coreano, Kim Jong-un, disse durante e o congresso do partido que a Coreia do Norte só usará suas armas nucleares se sua soberania for ameaçada por outra potência nuclear, informou neste domingo a agência de notícias norte-coreana (KCNA).

"Como um Estado com armas nucleares responsável, nossa república não usará suas armas nucleares a menos que forças hostis com armas nucleares violem sua soberania", disse Kim durante a reunião da assembleia política neste sábado, segundo a KCNA.

Kim Jong-un prometeu "cumprir fielmente" suas obrigações de não proliferação e impulsionar o desarmamento nuclear mundial.

Em 2003, a Coreia do Norte foi o primeiro país signatário do Tratado de Não Proliferação Nuclear a deixar o acordo.

Após seu primeiro teste nuclear em 2006, Pyongyang garantiu que nunca priorizaria o uso de armas nucleares, mas desde então tem reiterado várias ameaças de ataques nucleares preventivos contra a Coreia do Sul e os Estados Unidos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos