Hollande preside cerimônia que marca fim da Segunda Guerra Mundial

Paris, 8 Mai 2016 (AFP) - O chefe de Estado francês, François Hollande, presidiu na manhã deste domingo em Paris a cerimônia comemorativa de 8 de maio, que marca o fim da Segunda Guerra Mundial, a última de seu mandato.

Em um ano, um dia após as eleições presidenciais de 2017, Hollande acompanhará a celebração na presença do novo presidente eleito ou começará um novo mandato se conseguir se renovar no cargo.

O presidente francês depositou uma coroa aos pés da estátua do general Charles de Gaulle, principal dirigente da resistência francesa durante o conflito, na Champs-Élysées, antes de percorrer de carro a famosa avenida.

O público estava disperso, talvez desanimado pelas drásticas medidas de segurança instauradas na avenida.

François Hollande se reuniu posteriormente com os membros do governo e outras personalidades políticas, como Nicolas Sarkozy, presidente do partido da oposição, Os Republicanos, perto do Arco do Triunfo, onde reavivou a chama do soldado desconhecido.

"A guerra, poderíamos pensar que é história, mas infelizmente também está à nossa porta, na Síria, em Iraque, no Sahel", lembrou o presidente francês à rede France 2, lamentando também que a Europa esteja "ameaçada pela separação, pelo esquecimento".

"Quero que os franceses fiquem orgulhosos de seu país, digam que temos uma bela e grande história, que nos esforçamos para ser mais respeitados, que nossa voz seja ouvida", prosseguiu Hollande.

O presidente também aproveitou para defender seu balanço: "Endireitamos o país nos últimos quatro anos", afirmou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos