Polícia grega dispara gás lacrimogêneo contra manifestantes em frente ao Parlamento

Atenas, 8 Mai 2016 (AFP) - A polícia disparou neste domingo à noite gás lacrimogêneo contra um grupo de manifestantes que lançou projéteis contra os agentes durante uma manifestação em frente ao Parlamento grego, onde ocorre a votação de um impopular projeto de lei sobre a reforma das aposentadorias.

Segundo imagens transmitidas por vários meios de comunicação, jovens mascarados lançaram coquetéis Molotov durante esta manifestação organizada a pedido dos sindicatos e que reuniu mais de 10.000 pessoas. A polícia respondeu com gás lacrimogêneo, dispersando a multidão.

O controverso projeto de lei pretende aumentar as contribuições para as aposentadorias e elevar os impostos, exigências feitas pela UE e pelo FMI, credores da dívida grega, em troca do empréstimo outorgado no ano passado.

O governo de Tsipras quer que essas medidas sejam votadas antes da reunião decisiva que acontecerá nesta segunda-feira em Bruxelas com os ministros das Finanças da zona do euro que devem avaliar as reformas realizadas por Atenas.

"Basta de massacrar a previdência social", "Parem a monstruosa reforma", "Não à dissolução do sistema de aposentadorias", diziam os cartazes dos manifestantes.

"Somos contra essas medidas que subestimam nossa inteligência. Nós não somos marionetes, somos cidadãos de um país democrático", disse à AFP Eleni Karayianni, funcionária pública que tem sofrido com os vários cortes salariais desde o início da crise em 2010.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos