Mitt Romney critica Trump por não divulgar IR

Washington, 11 Mai 2016 (AFP) - O candidato republicano à Presidência dos Estados Unidos em 2012 Mitt Romney lançou novas críticas contra Donald Trump, nesta quarta-feira, por sua recusa em revelar suas declarações de impostos antes das eleições de novembro.

"É desqualificador para qualquer candidato presidencial moderno se negar a revelar suas declarações de impostos aos eleitores e, em particular, para alguém que não foi submetido ao escrutínio público que cabe a um posto militar, ou a um funcionário público", escreveu Mitt Romney no Facebook.

Romney considerou que "a única explicação" para a negativa de Trump de divulgar seu imposto de renda é que contém "uma bomba de um tamanho extraordinário".

Trump se recusou a compartilhar com a imprensa e com o público seus documentos da Receita. Rompe, assim, com uma tradição dos candidatos americanos à Presidência, a qual permite que suas fontes de renda e eventuais conflitos de interesse sejam verificados.

Segundo declarações à agência de notícias Associated Press (AP) publicadas hoje, o magnata do setor imobiliário disse que, provavelmente, não irá divulgá-las antes da eleição de novembro, devido a um controle fiscal em curso.

"Não há nada a tirar delas", declarou à AP, alegando que não acredita que possam interessar aos eleitores.

Mais tarde nesta quarta, Trump postou no Twitter que não estava se negando a revelar seu imposto de renda antes das eleições.

"Em uma entrevista disse @AP que meus impostos estão sob controle de rotina e revelarei minhas declarações de impostos quando o controle tiver acabado, não depois das eleições!" - esclareceu Trump.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos