Polícia congolesa dispersa protesto da oposição em Lubumbashi

Lubumbashi, RD Congo, 11 Mai 2016 (AFP) - A polícia congolesa dispersou nesta quarta-feira na cidade de Lubumbashi, sudeste da República Democrática do Congo (RDC), um protesto de milhares de simpatizantes do candidato de oposição à presidência Moïse Katumbi, que deveria prestar depoimento em um processo de "recrutamento de mercenários".

Os agentes atuaram quando os manifestantes superaram o cordão de isolamento com o objetivo de entrar no Palácio de Justiça, onde Katumbi era aguardado.

Depois dos incidentes, Moise Katumbi - candidato declarado à próxima eleição presidencial na RDC - entrou no Palácio de Justiça para prestar depoimento a um juiz.

Moïse Katumbi, acusado de ter "recrutado mercenários estrangeiros", foi interrogado uma primeira vez, durante sete horas, na segunda-feira passada.

Katumbi afirmou após o primeiro interrogatório que a acusação era uma "manobra suja para prejudicá-lo".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos