Senado afasta Dilma Rousseff da presidência do Brasil

Brasília, 12 Mai 2016 (AFP) - A presidente do Brasil, Dilma Rousseff, foi afastada do cargo nesta quinta-feira pelo Senado para ser submetida a um julgamento político por maquiagem das contas públicas.

Um total de 55 senadores - de um plenário de 81 - votaram a favor da admissibilidade e abertura do processo de impeachment e 22 contra.

Dilma Rousseff será substituída pelo vice-presidente Michel Temer, a quem ela acusa de executar um "golpe moderno" contra seu governo.

bur-lbc/fp

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos