Chegadas de migrantes à Grécia caem 88% em abril

Genebra, 13 Mai 2016 (AFP) - O número de migrantes e solicitantes de asilo que chegaram à Grécia em abril caiu quase 88% em um mês, segundo a Organização Internacional para as Migrações (OIM).

Um total de 3.360 pessoas foram registradas em abril, contra 26.971 em março, segundo a OIM.

Esta "queda é resultado de vários fatores, incluindo o acordo entre a UE e a Turquia e os controles mais rígidos nas fronteiras" colocado em andamento pela Macedônia, considerou nesta sexta-feira a Frontex, a agência europeia encarregada das fronteiras externas da UE, em um comunicado.

A Frontex, que por sua vez estima em 90% a queda de chegadas à Grécia em abril, também ressalta que os sírios continuam sendo os mais numerosos entre as pessoas que entram na Grécia, à frente dos paquistaneses, afegãos e iraquianos.

Em 2015, mais de um milhão de migrantes e refugiados chegaram à União Europeia, em sua maioria sírios que entraram pela Grécia.

Para frear este fluxo, Bruxelas e Ancara chegaram a um acordo que prevê o envio à Turquia de qualquer migrante que tenha chegado à Grécia depois de 20 de março e que não tenha solicitado asilo, ou cujo pedido tenha sido negado.

O número de migrantes e de solicitantes de asilo que desembarcaram na Itália em abril superou o número de chegadas à Grécia, pela primeira vez desde junho de 2015, informaram nesta sexta-feira a ONU e a Frontex.

"Pela primeira vez, no mês passado ocorreram mais chegadas à Itália que à Grécia", declarou nesta sexta-feira à imprensa um porta-voz do Alto Comissariado da ONU para os Refugiados (ACNUR), William Spindler.

Segundo a OIM, 9.149 pessoas chegaram à Itália em abril e 3.360 à Grécia.

Um total de 1.000 pessoas, incluindo crianças desacompanhadas, foram resgatadas na quinta-feira em frente à costa da Itália, indicou o ACNUR.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos