Ministro turco tem poucas esperanças de acordo sobre isenção de vistos

Ancara, 13 Mai 2016 (AFP) - O ministro turco de Assuntos Europeus, Volkan Bozkir, se mostrou pessimista nesta sexta-feira em Bruxelas a respeito do projeto de acordo UE-Turquia para uma isenção dos vistos para os turcos até o fim de junho.

"Neste momento, não posso dizer que tenhamos muitas esperanças" sobre este tema com o comissário europeu de Ampliação da UE, Johannes Hahn.

Este projeto de acordo forma parte do pacto fechado por UE e Turquia para frear o fluxo de migrantes em direção à Europa.

Bozkir rejeitou novamente uma flexibilização da legislação antiterrorista da Turquia, um país que enfrenta, desde o verão de 2015, uma retomada dos ataques dos rebeldes curdos.

Bruxelas exige que esta lei seja reformada, junto com outros 71 critérios, para alcançar um acordo sobre a isenção de vistos.

"Cada país tem coisas nas quais pode ceder e coisas nas quais não pode", afirmou o ministro. "A Comissão (Europeia) deve ajudar a Turquia para que possamos superar as divergências entre as partes, disse.

Na quinta-feira, o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, havia criticado a hipocrisia da UE, descartando uma modificação da lei antiterrorista.

Estas tensões ameaçam, ainda, o acordo migratório fechado em março: a Turquia colocou como condição a isenção dos vistos até o fim de junho para seguir aplicando o pacto, segundo o qual os migrantes que chegam à Grécia desde 20 de março são reenviados à Turquia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos