Ataque aéreo do regime sírio mata ao menos 13 civis

Beirute, 18 Mai 2016 (AFP) - Ao menos 13 membros de uma mesma família, incluindo oito crianças, foram mortos nesta quarta-feira em um ataque aéreo do exército sírio em Rastane (centro), cidade controlada por rebeldes e sitiada pelo regime, indicou uma ONG.

Esse balanço de vítimas pode aumentar, uma vez que várias pessoas estão desaparecidas e outras ficaram gravemente feridas, segundo o Observatório Sírio para os Direitos Humanos (OSDH), que dispõe de uma ampla rede de fontes em toda a Síria.

Rastane é um dos últimos redutos rebeldes na província central de Homs, controlada em grande parte pelo regime do presidente Bashar al-Assad.

A cidade, que fica cerca de 150 km ao norte de Damasco, está sujeita desde o início do ano a um cerco total das forças pró-regime.

Há três semanas, comboios humanitários puderam entrar em Rastane e seus arredores para entregar ajuda a aproximadamente 120.000 pessoas.

Desde 2011, o conflito na Síria matou mais de 270.000 pessoas e causou a fuga de milhões de outras.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos