Mulher é expulsa dos Emirados por vasculhar celular do marido

Dubai, 18 Mai 2016 (AFP) - Uma mulher foi condenada, nos Emirados Árabes Unidos, a pagar uma multa e a ser expulsa do país, depois de ser considerada culpada de violar a privacidade do marido - segundo a imprensa local.

A mulher foi processada por ter tido acesso ao celular do marido, sem a permissão dele, por suspeitar que ele teria um caso com outra mulher.

Depois de uma queixa apresentada pelo marido, um tribunal de Ajman, um dos sete membros da Federação Emirados, deu seu veredicto em 12 de maio, recorrendo à lei sobre cibercriminalidade, de acordo com o jornal Gulf News.

A mulher admitiu ser culpada e foi condenada a pagar uma multa de 150.000 dirhams (US$ 40,9 mil), além de ser expulsa dos Emirados, completou o jornal.

Ambos são cidadãos árabes, informou o advogado da ré.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos