Governo da Colômbia calcula que há 170 menores nas Farc

Bogotá, 19 Mai 2016 (AFP) - Ao menos 170 menores estão nas fileiras das Farc, guerrilha que se comprometeu a libertá-los em breve com base nas negociações de paz com o governo da Colômbia, informou nesta quinta-feira o ministro da Defesa, Luis Carlos Villegas.

"Os dados de que dispomos nos mostram em torno de 170, ou algo mais, de menores que estão nas mãos das Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia)", disse Villegas em Bogotá.

A guerrilha não revelou o número de menores em suas fileiras, onde há cerca de 7 mil combatentes.

O governo de Juan Manuel Santos e a principal guerrilha do país, que estão na reta final de um processo de paz para acabar com meio século de conflito armado, anunciaram nesta quinta-feira um acordo sobre o protocolo para a libertação de um primeiro grupo de 21 menores de 15 anos que combatem com as Farc, antes de preparar a entrega dos demais menores.

As Farc anunciaram a suspensão do recrutamento de menores de 17 anos em fevereiro de 2015, e um ano depois ampliaram a medida aos menores de 18 anos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos