Igreja da Escócia vota a favor de ordenação de homossexuais casados

Londres, 21 Mai 2016 (AFP) - A Igreja Protestante da Escócia aprovou neste sábado, em Edimburgo, a ordenação de homens e mulheres casados com pessoas do mesmo sexo, três anos após aceitar a ordenação de homossexuais.

Em 2015, a Igreja escocesa havia adiado a decisão sobre os membros do clero casados, para consultar as paróquias e ganhar tempo para debater a questão.

Naquele mesmo ano, autorizou, em troca, a ordenação de homossexuais sob união civil, mas não casados.

"Para muitos, hoje se tratava de esclarecer a situação e se adaptar à legislação escocesa", comentou o reverendo John Chalmers. A moção foi aprovada por 339 votos a 215.

A Igreja Protestante da Escócia aprovou em 2013 a moção que autorizava a ordenação de homossexuais, após anos de debate entre os setores liberal e tradicionalista.

Já a Igreja da Inglaterra proíbe os homossexuais de seu clero de se casarem.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos