Jornalista espanhola é sequestrada por guerrilha na Colômbia, diz El Mundo

Madri, 23 Mai 2016 (AFP) - A jornalista espanhola Salud Hernández-Mora foi sequestrada por um grupo guerrilheiro em uma zona da Colômbia controlada pelo Exército de Libertação Nacional (ELN, guevarista), informou nesta segunda-feira o jornal El Mundo, citando fontes militares colombianas.

"A jornalista espanhola e correspondente do El Mundo na Colômbia, Salud Hernández-Mora, encontra-se sequestrada pela guerrilha", publicou o jornal em sua edição on-line, acrescentando que ela desapareceu no sábado na região de Catatumbo (nordeste).

"A zona, de difícil acesso, é controlada pelo ELN", acrescentou.

Hernández, colunista do jornal colombiano El Tiempo e colaboradora do El Mundo, foi vista pela última vez por volta do meio-dia de sábado no município de El Tarra, informou no domingo o Ministério da Defesa colombiano em um comunicado.

O El Mundo falou com a freira Amanda Bedoya da Igreja de Nossa Senhora da Assunção em El Tarra, que disse ter visto a jornalista no sábado.

"Estive com Salud falando de diversos temas. Entrevistou-me, falamos agradavelmente e ao meio-dia de sábado foi pegar um ônibus em direção a Cúcuta", disse a religiosa ao jornal espanhol.

A jornalista espanhola, que também tem nacionalidade colombiana, estava na zona para informar sobre uma greve de moradores para protestar pelo desaparecimento de duas crianças, que já foram localizadas, segundo o El Mundo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos