Polícia confirma dois mortos em tiroteio na Universidade de Los Angeles

Los Angeles, 1 Jun 2016 (AFP) - A famosa universidade UCLA de Los Angeles (oeste dos Estados Unidos) foi fechada e permanecia confinada nesta quarta-feira, após um tiroteio que deixou dois mortos - declarou a Polícia de Los Angeles (LAPD) à AFP.

O caso já está sendo tratado pela Polícia como assassinato seguido de suicídio.

De acordo com o chefe da LAPD, Charlie Beck, as duas vítimas fatais são homens, cujos corpos foram encontrados na Faculdade de Engenharia.

Mais cedo, em sua conta no Twitter, a UCLA postou que o atirador se encontrava no Hall Boelter, onde está localizada essa faculdade.

O incidente começou pouco antes das 10h (14h, horário de Brasília).

O FBI, a Polícia Federal americana, foi "mobilizado", acrescentou a porta-voz consultada pela AFP.

Vizinha da universidade, a escola de Ensino Fundamental Warner também foi fechada por precaução, de acordo com as autoridades do Departamento de Educação de Los Angeles.

A UCLA conta com cerca de 43.000 estudantes do mundo todo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos