Polícia alemã frustra projeto de atentado do EI e detém três sírios

Berlim, 2 Jun 2016 (AFP) - A polícia alemã deteve três sírios, supostamente membros do grupo jihadista Estado Islâmico (EI), que planejavam cometer um atentado em Dusseldorf (oeste da Alemanha), anunciou nesta quinta-feira a procuradoria.

"Segundo os resultados da investigação em andamento", os suspeitos planejavam um atentado suicida em nome da "organização terrorista estrangeira Estado Islâmico" "na parte antiga de Dusseldorf", afirma a procuradoria em um comunicado.

Os três homens, identificados como Hamza C., de 27 anos, Mahood B., de 25 anos, e Abd Arahman A. K., de 31 anos, todos eles de nacionalidade síria, foram detidos na Renânia do Norte-Westfália, em Brandeburgo, e em Baden-Wurtemberg.

Um quarto homem, vinculado a este projeto e identificado como Saleh A., de 25 anos, foi detido em fevereiro na França, onde está em prisão preventiva. A Alemanha pedirá sua extradição.

"Não há indícios que permitam afirmar que os suspeitos já haviam começado a aplicar seu plano de ataque", mas de qualquer forma preparavam um atentado "na cidade antiga de Dusseldorf", acrescenta a fonte.

Segundo os planos de Saleh A. e de Hamza C., que receberam ordens a partir da Síria para cometer o atentado, dois suicidas "com coletes explosivos" deveriam detoná-los em uma das principais artérias do centro da cidade, explicou a procuradoria.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos