Tropas iraquianas avançam lentamente em Fallujah, mas vitória estaria próxima

Bagdá, 7 Jun 2016 (AFP) - As tropas iraquianas avançam lentamente em Fallujah, devido ao grande número de artefatos explosivos instalados no caminho pelos extremistas, indicou nesta terça-feira o comando militar, destacando, no entanto, que a tomada completa da cidade acontecerá em questão de dias.

Apoiadas pela aviação da coalizão internacional comandada pelos Estados Unidos e por forças paramilitares, as tropas iraquianas lançaram em 23 de maio uma ofensiva para retomar Fallujah, localizada 50 km a oeste de Bagdá e controlada pelo grupo EI desde janeiro de 2014.

Em 30 de maio, entraram em Fallujah, mas avançaram com dificuldade rumo ao centro da cidade, onde estão bloqueados cinquenta mil civis, aos quais falta comida e remédios.

"As forças de segurança avançam do sul para o centro de Fallujah, mas avançam com prudência para preservar a vida dos civis", disse à AFP o comandante da operação, general Abdelwahab al Saadi.

"Nos próximos dias, libertaremos Fallujah" das mãos dos extremistas, acrescentou.

O chefe das operações admitiu que o avanço das tropas foi contido pelo grande número de artefatos explosivos colocados pelos extremistas.

"Há túneis e desativamos entre 150 e 200 bombas a cada 100 metros", informou em um comunicado. "Segundo o que soubemos, o EI preparou carros-bomba que esconde em residências com a intenção de fazê-los explodir" quando as tropas entrarem, disse.

Cerca de 20 mil pessoas conseguiram fugir de setores periféricos da cidade, mas poucos civis conseguiram escapar do centro da cidade, onde o EI os usa como escudos humanos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos