Sindicato anuncia greve que afetará voos na Argentina

Em Buenos Aires

  • Wikimedia Commons/Wikipedia

    Voos poderão ser cancelados ou sofrer atrasos nos próximos dois dias

    Voos poderão ser cancelados ou sofrer atrasos nos próximos dois dias

Os voos nos aeroportos da Argentina poderão ser cancelados ou sofrer atrasos nos próximos dois dias em razão de uma greve por melhores condições de trabalho, informaram nesta quinta-feira (9) fontes sindicais.

A Associação dos Trabalhadores do Estado (ATE) anunciou "a paralisação de todos os aeroportos do país nesta sexta-feira, dia 10, e no sábado, 11, com a garantia apenas para voos sanitários".

A Empresa Argentina de Navegação Aérea (EANA), vinculada ao Estado, reagiu afirmando que a greve "atende exclusivamente a uma disputa entre facções sindicais".

A ATE afirma que "a greve é uma resposta à grave situação que atravessa o setor", e acrescentou que "o governo, de forma ilegal (...) quer gerar as condições prévias para uma iminente privatização" dos serviços aéreos, com "perda da estabilidade e dos salários".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos