Massacre de Orlando 'foi um claro ato terrorista' (governador)

Orlando, Estados Unidos, 12 Jun 2016 (AFP) - O ataque a uma boate na madrugada deste domingo em Orlando, que deixou 50 mortos e 53 feridos, "foi um claro ato terrorista", afirmou o governador do estado americano da Flórida, Rick Scott.

"Para alguém entrar aqui atirando ativamente e tirar esse número de vidas é claramente um ato de terror", disse o republicano em entrevista coletiva.

Autoridades abriram uma investigação por terrorismo, mas estimam que o atirador, Omar Mateen, um americano de 29 anos, tenha agido sozinho.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos