Funcionária da Thomson Reuters acusada de querer "derrubar o regime" do Irã

Teerã, 15 Jun 2016 (AFP) - Uma funcionária com cidadania iraniana e britânica da Fundação Thomson Reuters, Nazanin Zaghari-Ratcliffe, detida desde 3 de abril no Irã, foi acusada de tentar "derrubar o regime", segundo um comunicado da Guarda Revolucionária.

Ela foi acusada de integrar "empresas e instituições estrangeiras cujo objetivo é preparar e executar projetos midiáticos e cibernéticos para sutilmente derrubar o sagrado regime da República Islâmica", afirma o comunicado da tropa de elite do regime, divulgado pela agência Mizanonline, vinculada à autoridade judicial do Irã.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos